Calculadora do cidadão: veja como utilizar e outros detalhes

Publicidade

Se você não sabe o que é a calculadora cidadão, vamos te explicar agora. Ela nada mais é do que uma ferramenta prática disponibilizada pelo Banco Central, cujo objetivo é fazer cálculos financeiros.

Com a calculadora do cidadão, o usuário pode fazer o cálculo de correção de valores, financiamentos, empréstimos e até mesmo a rentabilidade de um capital investido. Tudo isso de forma rápida e eficiente.

Publicidade

Dessa forma, mesmo que o cidadão não tenha um vasto conhecimento na área financeira, ele consegue usar a ferramenta mesmo assim. Isso porque o objetivo é torná-la acessível e de fácil entendimento.

A calculadora cidadão é uma ferramenta extremamente útil para qualquer pessoa que precise lidar com cálculos financeiros de forma prática e eficiente.

Por que usar a calculadora cidadão?

Calculadora do Cidadão
Imagem Canva Pro – Google

Usar a calculadora cidadão é um divisor de águas para aqueles que precisam fazer um empréstimo ou um financiamento. Afinal, saber quanto será o valor final ditará se valerá a pena contratá-lo ou não.

Além disso, para aqueles que buscam os melhores investimentos do mercado, também vale a pena utilizar a ferramenta. Assim, pode-se saber em quais aplicações o investimento será mais lucrativo.

Pode-se usar como exemplo os investimentos que utilizam 100% ou mais do CDI, em comparação com a poupança e aplicações que utilizam a Taxa Selic. Certamente, um deles será mais rentável.

Publicidade

Com a calculadora cidadão, fica fácil fazer essas comparações e chegar à melhor decisão.

Como usar a calculadora cidadão

Aprender como usar a calculadora do cidadão não é tarefa difícil. Para isso, basta utilizar a versão web ou a versão do aplicativo, disponível para todos os sistemas operacionais de celular.

Caso deseje baixar o aplicativo, basta entrar na Play Store ou App Store e procurar pelo nome. Já na versão web.

Depois de acessar a calculadora cidadão app ou versão web, basta adicionar o valor da operação junto ao índice das taxas. De acordo com a opção desejada, o próprio sistema se encarregará de calcular os valores.

Para dar um exemplo, no caso de uma pessoa que escolheu saber o valor de um capital aplicado, ela deverá preencher as seguintes opções: quantidade de meses, taxa mensal e capital atual.

Publicidade

Tipos de cálculos na calculadora

Além de saber como funciona a calculadora cidadão, também é importante saber os tipos de cálculo a serem realizados. Os mais comuns são o índice de preços, CDI, Taxa Selic, Poupança e Taxa Referencial.

No caso do índice de preços, ele ajuda a corrigir valores, pois eles são indicadores da inflação. Além dele, outro indicativo é a taxa referencial, que demonstra provável rentabilidade de investimentos.

Ainda, no caso da poupança, o usuário busca saber os rendimentos ao longo dos anos em relação aos depósitos. Já a Taxa Selic e o CDI são indicadores de aplicações, que podem ter os valores corrigidos pela calculadora.

Além dessas, também há a opção da calculadora do cidadão financiamento. Ela só calcula os valores no caso de prestações fixas. O usuário pode saber quanto irá desembolsar antes mesmo de contratar o serviço.

Onde baixar o aplicativo

Se ainda há dúvidas em como e onde baixar o aplicativo calculadora do cidadão, fique tranquilo, vamos te explicar em detalhes.

Para baixar a Calculadora basta abrir o aplicativo Play Store (para Android) ou na App Store (para iOS). Depois, é só digitar o nome da ferramenta e clicar em baixar.

Vale ressaltar que esse tipo de opção não está disponível para o computador. Se não quiser baixar o aplicativo calculadora do cidadão no seu celular, você pode utilizar a versão web. 

Portanto, seja através do aplicativo móvel ou da versão web, você terá acesso à Calculadora de forma prática e conveniente, permitindo que realize cálculos financeiros de maneira fácil e rápida.

Calculadora Cidadão é confiável?

A calculadora cidadão Banco Central é uma ferramenta do Governo Federal, e, portanto, é confiável. A base de seus cálculos é o juro composto, método utilizado pelo mercado financeiro atual.

Vale ressaltar que, por mais que seja confiável, essa ferramenta não leva em consideração outros atributos como taxas, impostos, seguros e outros tipos.

Por isso, ela serve apenas como uma referência, e o valor final não deve ser levado como valor real. Apesar disso, a calculadora é um método eficaz para prever valores que serão desembolsados ou resgatados no futuro.

A Calculadora Cidadão do Banco Central é uma ferramenta confiável, pois é desenvolvida e disponibilizada pelo Governo Federal.

Considerações Finais

Apesar de ser uma ferramenta de uso simples, a calculadora do cidadão se destaca em praticidade e rapidez. Com ela, os cálculos são feitos de forma instantânea e sem burocracia.

Com os diversos tipos de serviço prestado, o usuário pode simular operações simples do cotidiano e ter um vislumbre de uma situação real.

Assim, o cidadão pode estar a par dos seus possíveis gastos ou possíveis lucros, a fim de ter mais controle sobre a sua vida financeira. O uso dessa ferramenta pode ajudar a clarear ideais e servir como referência.

Em conclusão, a calculadora do cidadão é uma ferramenta prática e eficiente que oferece facilidade e agilidade na realização de cálculos financeiros.

Publicidade